Dia de Campo debate tecnologias para o fortalecimento da bovinocultura de corte

Cerca de duzentos produtores rurais de Carolina e região, participaram do Dia de Campo na fazenda Onça,  de propriedade do produtor Haroldo Cruz, localizada a  54 quilômetros da sede do município. O evento foi  realizado pelo Sindicato dos Rural de Carolina, por meio do presidente Carlos Eduardo da Luz Barros,  Federação Agricultura e Pecuária do Estado o Maranhão (Faema),  Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e parceiros.

O presidente da Faema Raimundo Coelho prestigiou o evento, bem como representantes da Secretaria de Agricultura, Pecuário e Pesca (Sagrima), empresários locais e regionais, técnicos do sistema estadual de agricultura e convidados, onde na ocasião  foi apresentado  o projeto do parque de exposições agropecuárias de Carolina pela empresa Cora Arquitetura e Engenharia. A proposta deverá ser apresentada ao governador Flávio Dino nos próximos dias, com vistas a garantir o patrocínio do governo do estado para sua construção.

Dia de campo Embrapa

O Dia de Campo teve como intuito apresentar novas tecnologias  e conhecimentos para o avanço da pecuária de corte na região, onde, segundo os idealizadores – é uma forma simples de incrementar a prática  da exploração agropecuária em Carolina e adjacências. A atividade rural teve como ponto alto, a palestra do pesquisador  da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa),  Armindo Neiva Kichel, que tratou sobre o tema: ‘Intensificação da pecuária de corte com rentabilidade’.

A motivação para a realização do Dia de Campo, segundo Carlos Eduardo, foi a forte vocação para a criação de gado,  sobretudo a bovinocultura de corte, por ser uma cadeia produtiva de grande rentabilidade e desempenho  cuja  produção se fortalece na região, contabilizando atualmente quase 100 mil cabeças.

Cursos

O titular do  Sindicato Rural elogiou a  forte participação do sistema Faema/Senar  no Dia de Campo e em especial, todas as atividades que envolvem a produção rural do estado, levando conhecimentos através de capacitação e programas voltados para a consolidação das atividades rurais no Maranhão.

“Só tenho a agradecer  ao sistema Faema/Senar que tem trazido à Carolina diversas atividades  e apoiado nossos eventos  juntamente com o Governo do Estado,  na pessoa do secretário, Márcio Honaiser e equipe”, disse Barros.