Governo promove curso de inseminação artificial em Estreito

Com o objetivo capacitar os produtores e fortalecer o setor produtivo na região, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e a Prefeitura de Estreito, promoveu um curso de inseminação artificial no município.
O curso é mais uma ação do Programa Mais Produção em Estreito. Os produtores participaram de aulas teóricas e práticas que ensinam técnicas de melhoramento genético das vacas, visando o aumento dos índices de produção e reprodução do rebanho e melhora na qualidade do leite.

Entre outubro de 2016 e novembro de 2017, a Sagrima, em convênio com o Senar, realizou 86 capacitações, beneficiando 1.210 produtores, além das 1.550 propriedades que recebem assistência técnica e gerencial. Nas propriedades assistidas, as visitas técnicas já passam de 18 mil.

06822_whatsapp_image_2017_11_30_at_17.18.21_291824551185115729
Técnico do Senar de Imperatriz, Egon Bastos explicou que a formação encerra a etapa dos cursos programados para este ano na região, ressaltando a vasta programação já planejada para o ano que vem.

“Estamos encerrando a etapa de capacitações deste ano nessa região, mas já temos uma série de cursos já previstos para o ano que vem, incluindo capacitações de silagem, derivados de leite e sanidade animal. Este curso foi muito positivo, pois é uma das grandes demandas da região e irá contribuir de forma significativa na produção dos criadores”, diz Bastos.

06822_whatsapp_image_2017_11_30_at_17.18.47_8549498666518375893
Os cursos oferecidos por meio da parceria Sagrima e Senar têm o intuito de formar profissionalmente o produtor para as atividades exercidas. As formações são planejadas por técnicos do Senar, após avaliação das necessidades de capacitação dos produtores de cada região. Atualmente, o Programa Mais Produção contempla, na Região Tocantina, 489 propriedades.

“É fundamental levar aos produtores as ferramentas necessárias para que possam crescer, e o conhecimento é a principal delas, ajudando-os a melhorar seus resultados e a qualidade de seus produtos”, afirma o secretário da Sagrima, Márcio Honaiser.